28/11/2018 às 14:54 - Atualizado em 28/11/2018 às 15:02

Confiança do empresário em Cuiabá melhora com o final de ano, segundo Icec

O índice também está 4,2% maior que o verificado em novembro de 2017, quando somava 120,6 pontos.

A pesquisa de novembro que mede o Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e divulgada pela Fecomércio-MT na quarta-feira (28/11), registrou aumento de 1,6% sobre o mês passado e chegou a 125,7 pontos. O índice também está 4,2% maior que o verificado em novembro de 2017, quando somava 120,6 pontos.

O Icec apontou melhora em todos os componentes que integram a pesquisa, com destaque para o índice que mede a expectativa do empresário do setor (2,4%), onde 87,7% dos entrevistados afirmaram que houve melhora na expectativa da economia brasileira.

Já o índice que avalia as condições atuais do empresário teve aumento de 1,2% e o de investimento para o empresário de 0,8% no mês. Na comparação com mesmo período do ano passado, esses índices apresentaram crescimento de 6,8% e 6%, respectivamente.

O posicionamento da Fecomércio-MT para a melhora da pesquisa de novembro reflete a queda do desemprego e, principalmente, a definição do cenário político com a construção de uma agenda econômica mais liberal, o que tem afastado os temores de que a economia volte a um quadro recessivo nos próximos anos.

Previsões para o Natal e 2019

Acompanhando as previsões da CNC, a entidade que representa o comércio em Mato Grosso espere um crescimento nas vendas para o Natal deste ano de 2,8% na comparação com o mesmo período do ano anterior. Com isso, a Fecomércio no estado prevê avanço de 4,5% no faturamento real em relação a 2017 no comércio varejista e projeta um crescimento maior para 2019, de 5,2%.

Para download

Icec-CNC, do mês de novembro de 2018, em Cuiabá-MT | Download
Icec-CNC, do mês de novembro de 2017, em Cuiabá-MT | Download